Dia Internacional da Não-violência

02.02.2019

O Dia Internacional da Não-violência foi proclamado pela Assembleia Geral em 2007, como uma ocasião para "disseminar a mensagem de não-violência, através da educação e do aumento da consciência pública".A resolução reafirma "a relevância universal do princípio da não-violência" e o desejo de "garantir uma cultura de paz, tolerância, compreensão e não-violência".

 

 

Mahatma Gandhi

Maohandas Karamchand Gandhi ou, como ficou conhecido, Mahatma Gandhi, foi acima de tudo um ativista da não violência. Formado em direito, foi um político e líder no movimento de independência da Índia, que era governada pelos ingleses. Nasceu na cidade Porbandar, no dia 2 de outubro de 1869. O seu pai era funcionário público, cargo herdado pela família durante várias gerações. Ainda criança casou-se com Kasturba, com quem teve quatro filhos.

Prestes a completar 19 anos, a 4 de setembro de 1888, Gandhi parte para a Inglaterra, com o objetivo de estudar Direito. Em 1891, recém-formado retorna à Índia. Sem muitas opções de trabalho na Índia, em abril de 1893, Gandhi parte para a África do Sul, para trabalhar como advogado. Foi na África do Sul que começou a lutar pelos direitos dos hindus e a atuar como pacifista.

De volta à Índia em 19 de janeiro de 1915 (aos 45 anos), em Bombaim foi recebido como um herói, pelas lutas que travou em prol dos indianos na África do Sul. Ficou conhecido por lutar pelos direitos do povo, sobretudo dos camponeses e operários mais pobres.

Em homenagem ao  Mahatma Gandhi, é concedido anualmente pelo governo indiano o Premio Gandhi da Paz. Como tributo aos ideais defendidos por Gandhi, o governo indiano instituiu o Prémio Gandhi da Paz em 1995, por ocasião das celebrações do 125º aniversário do nascimento do Mahatma Gandhi. Este é um prémio anual concedido a pessoas e instituições pelas contribuições e transformações sociais, económicas e políticas mediante a não violência.

Professora de E.M.R.C.,

 Zaara Sousa.

 

Please reload

Please reload

 Publicações ANTIGAS 
 bibliotecas gil
vicente: 
Bem-vindo ao blog das Bibliotecas Gil Vicente. 

«Está comprovado que quando os bibliotecários e os professores trabalham em conjunto, os estudantes alcançam níveis mais elevados de literacia, leitura, aprendizagem, resolução de problemas e competências no domínio das tecnologias de informação e comunicação.» in Manifesto das Bibliotecas Escolares da IFLA /UNESCO (1999) Disponível nos sítios da IFLA e da RBE 

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
Electra - Airstream
00:00 / 00:00
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now